O Empreendedorismo e a Pequena Empresa no Contexto do Pós Covid-19: Há luz no Fim do Túnel

Vânia Maria Jorge Nassif, Eduardo Armando, Jefferson Lopes La Falce

Resumo


Por mais que queiramos contribuir com empreendedores e com agentes de políticas públicas, frente ao caos vivenciado, oferecendo reflexões, recomendações e subsídios, ancorados em artigos científicos, ainda assim não temos nenhuma certeza, apenas otimismo e a crença de que teremos um futuro diferente.

Nosso editorial anterior (v. 9, n. 2, de 2020) questionou, de modo singular, se os empreendedores e as pequenas empresas estavam preparados para as adversidades contextuais, propiciando uma reflexão à luz da pandemia do Covid-19 (Nassif, Corrêa, & Rossetto, 2020). Esse assunto continua em pauta, neste número, não como passado, mas presente e, de certa forma, prospectando o futuro. A crise está em curso, enquanto este texto está sendo escrito, em especial no Brasil, o que dificulta a localização de referências de como agir, em um momento tão difícil.

Já vivenciamos outras crises, como a de 2008-2009, que nos trouxeram aprendizados e novos caminhos, visando a um futuro melhor, além de sugestões aos gestores de pequenas empresas e para agentes de políticas públicas. No enfrentamento ao Coronavírus, contudo, grande parte das pesquisas, realizadas em países desenvolvidos, como, por exemplo, Alemanha e Reino Unido, e mesmo em países emergentes, como a China, cuja classificação coincide com a do Brasil, as ações de enfrentamento apresentam diferenças substanciais.


Palavras-chave


Empreendedorismo; Covid-19; luz no Fim do Túnel; políticas públicas

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.14211/regepe.v9i3.1940

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença 
Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

Rev. Empreendedorismo Gest. Pequenas Empres., São Paulo, SP, Brasil. e-ISSN: 2316-2058    

Prefixo do DOI: 10.14211  Classificação Qualis 2016: B1