Entrepreneur Profile: The Case of Headless Mule

Authors

DOI:

https://doi.org/10.14211/regepe.v7i1.448

Keywords:

Administration, Entrepreneurship, Entrepreneurial Characteristics.

Abstract

This study case “The case of the ‘mula sem cabeça’ or ‘headless mule’”, a figure from Brazilian folklore, describes a problem situation of a young entrepreneur who achieved the objective of having his own retail outlet for a clothing brand with which he had a close and caring relationship for many years. After managing to open the store, in the main shopping center of the town of Balneário Camboriú, on the north coast of Santa Catarina, he faced the dilemma of whether to dedicate himself entirely to the role of business person, or whether to give up the company where he had worked for ten years. Contextually, there is still an imminent national economic crisis that could exacerbate the loss of income in the self-owned business, as well as his personal problems, in a property investment. The case was written as a teaching tool for use in the classroom on the topic of entrepreneurialism, and the characteristics of the entrepreneur.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

João Francisco Borba, Universidade do Vale do Itajaí - Univali.

Mestre do Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão, Internacionalização e logística (PMPGIL) pela Universidade do Vale do Itajaí - UNIVALI, Santa Catarina, (Brasil).

Sidnei Vieira Marinho, Universidade do Vale do Itajaí - Univali.

Doutor em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC, Santa Catarina, (Brasil). Docente do Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA) e do Programa de Mestrado Profissional em Gestão Empresarial, Internacionalização e Logística (PMPGIL) pela Universidade do Vale do Itajaí -UNIVALI, Santa Catarina.

Anete Alberton, Universidade do Vale do Itajaí - Univali.

Doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC, Santa Catarina, (Brasil). Docente do Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA) e do Programa de Mestrado Profissional em Gestão Empresarial, Internacionalização e Logística (PMPGIL) pela Universidade do Vale do Itajaí -UNIVALI, Santa Catarina.

References

Dornelas, J. C. A. (2005). Empreendedorismo: transformando ideias em negócios. Rio de Janeiro: Elsevier.

Drucker, P. F.(1987). Inovação e espírito empreendedor. São Paulo: Pioneira.

Filardi, F., Barros, F. D., & Fischmann, A. A. (2014). Do homo empreendedor ao empreendedor contemporâneo: Evolução das características empreendedoras de 1848 a 2014. Revista Ibero-Americana de Estratégia, v. 13, n. 3, p. 123-140.

Martinelli, J. Comportamentos empreendedores. (2005) Disponível em: <http://www.duomoeducacao.com.br/Empreendedorismo-Corporativo/comportamentos-empreendedores.html>Curitiba>. Acesso em: 27 abr. 2016.

Silva, Jr. O. F. P. (2014). Empreendedorismo – a base do sucesso. Itajaí: Editora Univali.

Silva, T., Pereira, M. F., Costa, A. M., & e Hinterlang, C. (2013). Metodologia em voga no campo de empreendedorismo: emprego de métodos quantitativos para o estudo das características inerentes aos empreendedores. Revista Ibero-Americana de Estratégia – RIAE, v. 12, n. 4, pp. 181-209.

Ching, H. Y., & Kitahara, J. R. (dez/2015). Propensão a empreender: Uma investigação quantitativa baseada nas características empreendedoras de alunos do curso de Administração. Revista de Ciências da Administração, v. 17, n. 43, p. 99-111.

Lima F., Raimundo, N., & Bruni, A. L. (2015). Metacognição estimula características empreendedoras? Uma análise em profissionais de Administração. RACE, Unoesc, v. 14, n. 2, p. 427-450, maio/ago.

Sarkas, S. (2015). Empreendedorismo e Inovação. 2. ed. São Paulo: Escolar Editora.

Published

2018-03-07

How to Cite

Borba, J. F., Marinho, S. V., & Alberton, A. (2018). Entrepreneur Profile: The Case of Headless Mule. Iberoamerican Journal of Entrepreneurship and Small Business, 7(1), 226–242. https://doi.org/10.14211/regepe.v7i1.448