3 Marias: de mulheres para mulheres

Authors

  • Leticia Fantinato Menegon Escola de Administração de Empresas de São Paulo - Fundação Getulio Vargas (EAESP-FGV) Escola Superior de Progaganda e Marketing - ESPM SP https://orcid.org/0000-0002-0008-078X
  • Adrian Kemmer Cernev Escola de Administração de Empresas de São Paulo - Fundação Getulio Vargas (EAESP-FGV) https://orcid.org/0000-0002-6300-3976
  • José Eduardo Amato Balian Fundação Armando Alvares Penteado - FAAP https://orcid.org/0000-0001-8291-1593

DOI:

https://doi.org/10.14211/regepe.e2012

Keywords:

Impacto social, Negócio social, Aplicativo, Incubadora, MVP

Abstract

Objetivo do caso: ajudar estudantes a avaliar as dificuldades do processo empreendedor, observando as particularidades que envolvem a concepção do negócio e sua validação, a distância entre o conceito do negócio e sua efetiva operacionalização e monetização. Metodologia/abordagem: caso de ensino em Administração, baseado em um empreendimento real, iniciado em uma incubadora de negócios. Principais resultados: o caso favorece reflexões acerca das metodologias adotadas no processo de validação do modelo de negócio, bem como a construção do seu MVP. Contribuições teóricas/metodológicas: desenvolver no aluno a capacidade de avaliar o processo adotado de validação do modelo de negócio, desde as entrevistas até o MVP. Relevância/originalidade: estimular a discussão crítica acerca da construção do MVP de uma startup. O caso, também, proporciona um debate sobre o abismo existente entre a concepção do modelo de negócio e sua operacionalização, inclusive no que tange à sustentabilidade financeira do modelo proposto. Contribuições sociais / para a gestão: ajudar estudantes a enfrentar as dificuldades do processo de validação do modelo de negócio à construção de um MVP, bem como desenvolver um modelo de sustentação financeira de um empreendimento de impacto social.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Leticia Fantinato Menegon, Escola de Administração de Empresas de São Paulo - Fundação Getulio Vargas (EAESP-FGV) Escola Superior de Progaganda e Marketing - ESPM SP

Possui graduação em Administração pela Fundação Getulio Vargas - SP (2000), mestrado em Mestrado em Administração pela Faculdade de Economia Administração e Contabilidade (2004) e doutorado em Doutorado em Administração pela Faculdade de Economia Administração e Contabilidade (2010). Foi sócia diretora - Get Ready Treinamento e Desenvolvimento, também da ORBEAT FOODS. Professora da Fundação Getúlio Vargas (FGV-EAESP) e professora da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), onde coordena o Centro de Desenvolvimento de Empreendedorismo. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Gestão de Pessoas e Empreendedorismo.

Adrian Kemmer Cernev, Escola de Administração de Empresas de São Paulo - Fundação Getulio Vargas (EAESP-FGV)

Professor na FGV-EAESP (Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas) junto ao Departamento de Tecnologia e Ciência de Dados (TDS). Foi visiting scholar na University of California at Berkeley entre 2015 e 2016, junto à School of Information (iSchool). Tem experiência docente na FIAP, PUC-SP, no Insper e Centro Universitário da FEI. Mestre (MsC) e Doutor (PhD) em Administração de Empresas pela FGV-EAESP, participa atualmente em projetos de pesquisa sobre Inovação Tecnológica, Meios de Pagamento, Open Banking, Criptomoedas e Blockchain, e TI para o Desenvolvimento (ICT4D). Tem experiência profissional executiva e consultiva em empresas de tecnologia e conhecimento, atuando nas áreas de tecnologia de informação, telecomunicações, marketing e administração geral.

José Eduardo Amato Balian, Fundação Armando Alvares Penteado - FAAP

Doutor em Ciências Sociais pela PUC-SP, Mestre e Pós-Graduado em Administração pela Universidade Paulista, Graduado em Administração e Economia pela FAAP. Sócio Diretor da BB Consult SS Ltda. Atua em projetos de consultoria nas áreas de Reestruturação de Empresas, Profissionalização de Empresas Familiares, Indicadores de Negócios, Estudos de Viabilidade Financeira, Preparação Organizacional para Fusões a Aquisições, Implementação de Rotinas Financeiras e Diagnósticos Econômico-Financeiros Programas de Qualidade Total, Palestras e Treinamentos in company. Experiência nos setores: Construção Civil, Trading Company, Confecção, Indústria Automotiva, Varejo de Vestuário, Promotores de Eventos, Programas na Gestão de Bens de Luxo, entre outros. Participa de Conselhos de Administração em empresas de capital fechado. Foi professor e coordenador da Incubadora de Negócios da ESPM SP. Professor de Cursos de Graduação e MBA, na FAAP e FIA.

References

Baumann, F. (2013). Freeconomics: Do consumers tend to discriminate pay-models for information goods? Grin Publishing.

Bruton, G., Khavul, S., Siegel, D., Wright, M. (2015). New Financial Alternatives in Seeding Entrepreneurship: Microfinance, Crowdfunding, and Peer–to–Peer Innovations. Entrepreneurship Theory and Practice. v. 39, n. 1, pp. 9-26.

Calic, G., Mosakowski, E. (July, 2016). Kicking Off Social Entrepreneurship: How A Sustainability Orientation Influences Crowdfunding Success. Journal of Management Studies, v.53, n.5.

Kotler, P., & Armstrong, G. (2014). Princípios de Marketing. Pearson Universidades, 15ª edição.

Malhotra, N. (2019). Pesquisa de Marketing – uma orientação aplicada. Bookman, 2019. 7ª edição.

Maurya, A. (2018). Comece sua startup enxuta. São Paulo: Saraiva Educação.

McMullen, J. S, & Bergman Jr., B. J. (2018). Problems of Price Subsidization in Social Entrepreneurship. Business Horizon, v.61, n. 4, pp. 609-621.

Petrini, M., Scherer, P. & Back, L. (2016). Modelo de Negócios de Impacto Social. Revista de Administração de Empresas, v. 56, n. 2, pp. 09-225.

Ries, E. (2019). A startup enxuta. Editora Sextante / GMT: 1ª Edição.

Shapiro, C.; Varian, H. R. (2003). A economia da informação: Como os princípios econômicos se aplicam à era da internet. Rio de Janeiro, RJ: Elsevier.

Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae (2012). Como Obter Financiamento para a sua Startup. Brasília-DF. Recuperado de: https://bibliotecas.sebrae.com.br/chronus/ARQUIVOS_CHRONUS/bds/bds.nsf/fd77181fa45b1e488d04a51c2d4fdcca/$File/5676.pdf

Tripathi, N., Oivo, M., Liukkunen, K., & Markkula, J. (2019). Startup ecosystem effect on minimum viable product development in software startups. Information and Software Technology, v. 114, pp. 77-91.

Published

2021-05-03

How to Cite

Menegon, L. F., Cernev, A. K., & Balian, J. E. A. (2021). 3 Marias: de mulheres para mulheres. Iberoamerican Journal of Entrepreneurship and Small Business, In Copyediting process. https://doi.org/10.14211/regepe.e2012

Issue

Section

Accepted Case Studies

Most read articles by the same author(s)